Ideias De História Do Mobiliário Em 2021
Ideias De História Do Mobiliário Em 2021

O mobiliário egípcio é testemunho do luxo da corte faraônica e da qualidade e avanço técnico e artístico da sociedade, que, na idealização de segurança e comodidade, concebe e consome. A história é outro recurso valioso que podemos utilizar para conhecer o estilo dos móveis e mobiliário usado na antiguidade. Repleta das mais diversas amostras em forma de obras de arte, esculturas, afrescos e pinturas, a exemplo dos murais descobertos em Pompéia. Nas escavações no Egito encontraram diversas referências sobre móveis da época, bem como na Turquia moderna onde foram encontrados esculturas e objetos de adorno. Em 1850 a ilha principal de Orkney sofreu uma forte tempestade e expôs parte do que veio a ser chamado "povoado de Skara Brae". Trata-se de um grande assentamento neolítico (período entre 3100 a 2500 a.C.), sendo constituído por um aglomerado de dez casas construídas com Placas de pedra, devido à escassez de madeira na região.

Enquanto antes as peças eram formadas de quadros de aparência rígida, a composição passa a ter um núcleo central de onde parte e cresce o resto do móvel. Já a Cattedra era uma cadeira com encosto, geralmente usada pelas mulheres e idosos. Este modelo é adotado posteriormente no período medieval, no espaço religioso. Mais um móvel de assento utilizado pelos romanos era a Sella Curulle, um modelo sem encosto, derivado dos bancos, com dimensões generosas.

Exposição Marca Trajetória Do Design No País

O mítico Rei Arthur ordenou que uma mesa redonda fosse construída de modo que todos os cavaleiros de seu reino pudessem ser vistos como igual. Mesas simples, mas elegante, no estilo Shaker ainda estão em alta demanda, tanto por sua qualidade quanto por sua beleza. Nascidas sob a filosofia religioso protestante americana de funcionalidade, simplicidade e modéstia, as mesas Shaker são facilmente reconhecidos em todo o mundo. Na China, os Baús eram caixas de Cedro revestido, delicadamente esmaltados e envernizado para proteger as preciosas sedas e roupas de insetos destrutivos. Na Europa medieval, estas caixas de madeira eram relativamente impermeáveis, vedadas com piche ou verniz, para proteger documentos importantes, tais como mapas e documentação sobre tempestades ocasionais. Provavelmente as cadeiras com trabalhos mais complexos são oriundas dos séculos 18 e 19. Artesãos Franceses, Americanos, Ingleses e Alemães produzirão cadeiras de madeira requintadas, com trabalhos entalhados de maneira detalhada, onde os nós da madeira se apresentavam com padrões de madeiras exóticas, todas protegidas sob camadas de verniz.

O mobiliário romano é derivado do móvel grego, mas distingue-se pelo luxo e pelos materiais nobre, como o bronze e o mármore. Os móveis romanos possuem grande variedade de tipos, divididos também entre o uso comum e o uso cerimonial. Nessa série iremos estudar toda a história dos móveis, desde suas criações em determinadas pontos do mundo até a sua atualidade. O congresso focará as conexões temporais, geográficas, materiais e formais da história do mobiliário espanhol, português e latino-americano. Remetendo às características da época da rainha Vitória, da Inglaterra, o estilo vitoriano foi responsável por influenciar todos os cantos do mundo, já que deu uma nova roupagem aos móveis, tecidos e vestimentas. Outros ornamentos se tornaram mais acessíveis à população, como os móveis estofados e até mesmo os livros.

história do mobiliário

Envie Este Artigo Para Seus Amigos

Um bom exemplo de uma verdadeira obra de arte são as igrejas na ilha de Kizhi construídas no século XVIII inteiramente de madeira, sem juntas de metal. A história dos móveis desenvolve-se a partir do momento em que o Homem deixa de ser nômade, ou seja, desde o momento em que passa a possuir uma habitação fixa, e acompanha a sua história política, social e artística até à atualidade. Ao longo do tempo, os móveis foram evoluindo ao lado das necessidades humanas, a capacidade técnica e a sua sensibilidade estética. Deste modo a sua caracterização varia muito de acordo com a região e a época, podendo-se fazer uma divisão por períodos ou estilos que se inserem mais ou menos dentro dos grandes movimentos da história da arte.

O estilo romano, inicialmente, lembra muito o grego, porém eram mais luxuosos. Alguns detalhes que chamam atenção são os pés dos móveis em formato de patas de leão e algumas figuras mitológicas. Dados históricos apontam que os móveis existem pelo menos desde o período neolítico (7000 a.C.). O hábito de preservar os mortos e os pertences possibilitou a descoberta Escrivaninha de inúmeros móveis em suas tumbas. Países como a Coréia, Mongólia, e países do Sudeste Asiático possuem facetas próprias singulares, diferente das tradições da Índia, China, Paquistão, Indonésia e Japão, que são algumas das culturas mais conhecida. É exatamente neste ciclo que o Eco design de mobiliário se baseia, aumentando o uso deste conceito ano após ano.

Nas escavações em Skara Brae foram encontradas esculturas com motivos geométricos, ferramentas em marfim e osso, objetos de adorno com contas feitas de conchas e pedras. No interior das casas as placas de pedra eram acomodadas na forma de prateleiras e camas. Segundo pesquisas, nas camas era usada vegetação e pele de animais como forração. Esta descoberta arqueológica nos permitiu conhecer um pouco sobre o que poderia ser uma casa neolítica. Provavelmente devido a mudança climática da região, que se tornou mais úmida e fria.

História Da Arquitetura No Brasil Império

As inter-relações familiares e o espaço doméstico são moldados a partir desse ambiente formado com os móveis. A simbologia que um sofá tem para o trabalhador que chega em casa ao final do dia ou a mesa para a família é forte e faz parte da memória das pessoas. Antes dos móveis LaCasa Design irem para a área externa, muita coisa aconteceu na história. Podem ser encontrados como simples peças de mobiliário, objetos de decoração, expressão da cultura e costumes de um país ou através de esculturas e artesanatos.

Esses produtos podem apresentar páginas ou capas amassadas, manchas, com riscos ou sinais de uso além de poder estar fora de sua embalagem original. Quando falamos em Projetos de Interiores, sejam eles de Arquitetura, Design ou Decoração, o mobiliário é uma peça-chave na composição desses espaços. Elementos fundamentais na utilização dos ambientes, os móveis agregam também destaque, personalizam e simbolizam a essência dos seus usuários. Localizada em Londrina, no norte do Paraná, a LaCasa Design hoje é uma das maiores empresas do Brasil no segmento de móveis para área externa. Os móveis são confeccionados com estruturas de altíssima qualidade com 150 colaboradores, que se comprometem em desenvolver produtos com qualidade e conforto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.